Ritz Paris Hotel

Viagens
| 03/05/17 |

Voltando à viagem a Paris, o Ritz Paris Hotel foi mais um dos locais de prestígio da cidade luz que pude conhecer, além de ser um ícone mundial no quesito luxo.

Considerado um dos hotéis mais luxuosos de Paris e do mundo, é repleto de história e estórias. O Ritz está localizado na Place Vendôme e foi fundado pelo hoteleiro suíço César Ritz, juntamente com o chef Auguste Escoffier, no ano de 1898. A construção inicialmente era um palácio do início do século 18 que foi todo restaurado. Na época, foi um dos primeiros hotéis a ter quartos com banheiro, telefone e eletricidade. Devido a isso rapidamente se firmou como um hotel de luxo e opulência, se popularizando entre membros da nobreza e aristocracia, personalidades e celebridades. Em 1918, Charles Ritz sucedeu seu pai, César, na administração do Hotel. Após o falecimento de Charles em 1976, entrou em um período de decadência, mas em 1979 o empresário egípcio multi-milionário Mohamed Al-Fayed comprou o Ritz e começou um processo de renovação que durou dez anos, que fez com que o Hotel retornasse novamente aos seus tempos de glória. Em 2012 iniciou-se novamente outra reforma milionária que durou quatro anos, sendo reaberto em junho de 2016.

O Ritz recebeu inúmeros hóspedes ilustres entre eles Coco Chanel (que morou por anos no Hotel), Ernest Hemingway (há um badalado e famoso bar com seu nome no Ritz), Marcel Proust, F. Scott Fitzgerald, entre outros. Muitos romances foram escritos tendo o Hotel como parte do enredo, além de muitos filmes terem sido filmados no local também. Em minha visita pude conhecer a Suíte Windsor na qual o Duque de Windsor e sua esposa pela qual abdicou o trono da Inglaterra para poder casar-se com ela, a duquesa Wallis Simpson, se hospedavam frequentemente. A diária desta suíte é de 25.000 euros. Para poucos, com certeza.

Ao entrar pela porta giratória pude imediatamente perceber a impecabilidade do Hotel em seu todo, a atenção aos mínimos detalhes, e sentir o notório e agradabilíssimo perfume de ambiente de âmbar feito exclusivamente para o próprio Ritz, além da sensação agradável do piso térmico em uma temperatura de 22 graus.

O famoso jardim do Ritz Paris localizado na parte detrás do Hotel.

Um dos corredores do Hotel.

Cada quarto é unicamente decorado com reproduções em estilo Louis XIV ou Louis XV.

A torneira de cisne dourado está presente em quase todos os banheiros do Hotel.

O luxo está no cuidado com os detalhes.

As toalhas e roupões são na cor pêssego.

Entrando na Suíte Windsor, o quadro com foto de Wallis Simpson, a duquesa de Windsor.

Foto de Eduardo VIII da Inglaterra que abdicou do trono inglês para poder casar-se com a americana Wallis Simpson, tornando-se o Duque de Windsor.

A Suíte Windsor tem vista para a fascinante Place Vendôme, um dos cartões-postais de Paris. E um detalhe interessante: muitas suítes são blindadas para proteção dos hóspedes, que em muitos casos são pessoas altamente visadas por questões políticas

Ao lado da porta de entrada da suíte, existe um discreto acesso ao elevador privado da habitação que leva à garagem e entrada do Hotel e é usado pelo hóspede da suíte quando quer discrição ao sair e não quer usar o elevador de uso comum.

Esse mecanismo informa aos funcionários do Hotel se o quarto está livre para ser arrumado ou se está ocupado e o hóspede quer privacidade.

Detalhes da decoração do Ritz.

Um dos salões.

Os pontos altos do Ritz Paris Hotel são vários, mas citando alguns, o bar Hemingway, se você estiver em Paris, não deixe de ir tomar um drink no bar elaborado pelo barman que já atendeu diversas celebridades.

E também não deixe de ir ao chá da tarde no Salão Proust para saborear as delícias da pâtisserie francesa.

Falando em gastronomia, o L’Espadon Ritz, restaurante premiado com três estrelas Michelin, duas para La Table de L’Espadon e uma para Les Jardins de L’Espadon.

Na área da beleza, o Ritz juntamente com a Maison Chanel oferece tratamentos de massagem corporal e facial altamente qualificadas, para relaxamento e tonificação da pele, e também um serviço especializado em maquiagem. Tudo com produtos Chanel, bien sûr!

Outra ideia bem interessante para um dia diferenciado e que foge dos tradicionais roteiros turísticos em Paris é o Ritz Club Paris que oferece treinos personalizados na academia, orientação nutricional e piscina. Todos abertos ao público, basta entrar em contato para maiores informações e valores.

Ao visitar o Ritz Paris Hotel, torna-se perceptível em como o luxo não está na ostentação nem no esbanjamento, e sim, na atenção aos detalhes, na qualidade do atendimento e dos serviços oferecidos, e no orgulho pela história, mas sempre olhando para o futuro e se modernizando.

Abrazos

Comentários no Facebook

Comentários no Blog

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia Também